Programa de centros de assistência autorizados Apple

O Programa de centros de assistência Apple foi concebido para as empresas interessadas em prestar assistência a clientes da Apple, sejam eles particulares, empresas, estabelecimentos de ensino ou organizações governamentais. Os Revendedores autorizados Apple e as empresas especializadas na prestação de serviços de assistência, mas que não revendam os produtos acabados Apple, podem candidatar-se a uma autorização para serem Centros de assistência Apple.

As universidades e outros estabelecimentos de ensino superior podem solicitar autorização para serem Centros de assistência e prestarem serviços de reparação aos seus alunos. Os estabelecimentos de ensino que pretendam reparar apenas os seus próprios equipamentos devem candidatar-se ao Programa de assistência própria. Todas as reparações abrangidas pela garantia têm de ser efetuadas por técnicos certificados pela Apple.

Tipos de Centros de assistência

Existem dois principais tipos de Centros de assistência:

Centros de assistência autorizados: empresas que têm autorização para prestar serviços de reparação a todos os clientes da Apple.

Centros de assistência limitada: empresas e organizações que operam ao abrigo de contratos de assistência limitados, os quais permitem a prestação de serviços de assistência a clientes específicos ou a produtos Apple específicos, conforme definido no contrato do Centro de assistência limitada.

Quem pode candidatar-se ao estatuto de Centro de assistência?

Os revendedores, as empresas de assistência e os estabelecimentos de ensino nos países em que a Apple tem um serviço de assistência direta podem solicitar a autorização para serem Centros de assistência Apple. Os particulares e os trabalhadores por conta própria não podem candidatar-se.

Quais são as vantagens do estatuto de Centro de assistência?

A Apple tem por objetivo garantir que todos os Centros de assistência têm capacidade para prestar um serviço excecional ao cliente em conformidade com os padrões mais elevados do setor. O estatuto de Centro de assistência autorizado Apple proporciona confiança aos clientes e realça a sua reputação.

  • Reembolso pela mão de obra, peças e (quando aplicável) viagens relacionadas com reparações abrangidas pela Garantia limitada Apple ou pelo contrato de extensão de assistência
  • Apenas os Centros de assistência autorizados podem obter peças diretamente da Apple para efetuar reparações
  • Participação no programa de compensação por bónus baseado no desempenho "Excelência de assistência" (quando aplicável)
  • Acesso a informações pormenorizadas sobre produtos, reparações, assistência, desmontagem, resolução de problemas e atualização, bem como suporte técnico no local disponível para técnicos certificados
  • Inclusão no sistema localizador de recursos da Apple, que permite aos clientes localizar o Centro de assistência mais próximo através do site da Apple (exclui os Centros de assistência limitada)
  • Para obter informações mais detalhadas sobre as vantagens de se tornar um Centro de assistência, contacte a equipa AppleCare da sua região.

Quais são os requisitos do estatuto de Centro de assistência?

Requisitos das empresas
As organizações candidatas ao estatuto de Centro de assistência devem ter desenvolvido a sua atividade durante um período de tempo razoável, com registos financeiros controlados, disponíveis para análise pela Apple. É necessária uma linha de crédito que tem de ser acordada com a Equipa financeira da Apple da região apropriada. A empresa deve promover ativamente a marca Apple como parte do seu negócio, para além dos produtos de suporte e assistência AppleCare.

Os candidatos que não cumpram estes requisitos poderão ainda candidatar-se se existirem circunstâncias especiais, uma vez que as candidaturas são analisadas caso a caso.

Instalações
A empresa tem de manter uma localização de assistência comercial visível com pessoal de assistência especializado numa localização facilmente acessível. As instalações têm de incluir uma área de receção limpa e apresentável, para os clientes que vão entregar os seus produtos para assistência, e um local de trabalho seguro para reparações, armazenamento de peças e entrada de unidades para reparação. Não se aceitarão moradas residenciais como estabelecimento de assistência, a menos que tal seja especificamente acordado.

Certificação dos técnicos
Os Centros de assistência devem recorrer a Técnicos de Macintosh certificados pela Apple para efetuar diagnósticos, reparações abrangidas, modificações, alterações e atualizações a produtos Apple. O Centro de assistência deve empregar pelo menos um Técnico certificado por cada trinta reparações Apple efetuadas semanalmente.

Para obter a certificação para reparar sistemas Apple Macintosh, é necessário obter aprovação num exame de software e num exame de hardware num Centro de testes Prometric autorizado. As certificações são renovadas anualmente através de exames de renovação da certificação.

O site Apple Training fornece informações detalhadas sobre Certificações Apple, cursos de preparação, inscrição para os exames e taxas dos exames.

A formação a ritmo individual para Mac OS e hardware Apple para a renovação da certificação é disponibilizada online sem custos adicionais através do nosso portal para centros de assistência, o Global Service Exchange.

Requisitos operacionais
Os Centros de assistência devem satisfazer sempre os padrões da Apple no que respeita aos níveis de serviço, certificação dos técnicos e disponibilização de assistência aos clientes. A Apple efetua a auditoria e a revisão dos Centros de assistência, de forma a garantir que os referidos padrões são sistematicamente cumpridos.

Para obter informações mais detalhadas sobre os requisitos para o estatuto de Centro de assistência, consulte o documento dos Requisitos disponível para descarga.

Contacte a sua equipa AppleCare local.