Acerca da privacidade e segurança dos produtos Apple para a educação

Na Apple, acreditamos que a privacidade é um direito humano fundamental e, como tal, cada produto Apple é concebido de raiz para proteger as informações pessoais e dar a todos os clientes a capacidade de escolher o que partilham e com quem partilham esses conteúdos. É por isso que todos os nossos produtos, incluindo aqueles concebidos para o setor educativo, têm funcionalidades e controlos de privacidade integrados. Concebemos os nossos produtos com o objetivo de limitar a recolha e a utilização de dados, proceder ao tratamento dos dados nos dispositivos sempre que possível e proporcionar transparência e controlo sobre como as informações são partilhadas.

Continue a ler e utilize os botões apresentados abaixo para saber mais sobre as aplicações e os serviços que disponibilizamos às escolas, como protegemos os dados dos alunos e para encontrar informações e recursos adicionais para escolas e pais.

Aplicações e serviços para escolas

A Apple desenvolveu ferramentas avançadas para utilização específica em escolas com o objetivo de ajudar os administradores com as respetivas implementações e os professores com os fluxos de trabalho nas salas de aula, e também para proporcionar uma experiência de aprendizagem personalizada para cada aluno.

  • O Apple School Manager é um serviço gratuito baseado na web que ajuda os gestores de tecnologia a implementar dispositivos iPad e Mac nas escolas, criar contas com ID Apple geridos para alunos e funcionários, configurar listas de alunos para as aplicações TPC e Sala de Aula, permitir o registo do progresso na aplicação TPC e gerir as aplicações e livros destinadas ao ensino e aprendizagem. O Apple School Manager é a base dos serviços e aplicações da Apple para a educação. 
  • As contas com ID Apple geridos são criadas, pertencem e são controladas pelas escolas, para que os alunos tenham acesso ao iCloud Drive, à Fototeca, à Cópia de segurança, à aplicação TPC e ao iPad partilhado. Desta forma, os alunos conseguem aceder aos materiais de aprendizagem e ao trabalho que criaram em qualquer dispositivo. 
  • O iPad partilhado é uma funcionalidade que permite a utilização do mesmo iPad por vários alunos, garantindo uma experiência de aprendizagem pessoal que mantém os dados de cada aluno separados e seguros. 
  • A aplicação TPC permite que os professores e alunos partilhem e recebam materiais didáticos, revejam o progresso dos alunos e forneçam um feedback imediato. Assim, os professores podem adotar um método de ensino personalizado. Com esta aplicação, os professores podem visualizar facilmente o progresso dos alunos nas diferentes tarefas, para saberem sempre se um aluno precisa de mais desafios ou de ajuda adicional. Além disso, os alunos têm um espaço único onde podem ver as respetivas tarefas, enviar os trabalhos e ver o seu próprio progresso. 
  • A aplicação Sala de Aula permite que os professores façam a gestão dos dispositivos iPad dos alunos na sala de aula, o que os ajuda a orientar os alunos durante uma lição, uma vez que podem abrir aplicações e ligações pelos mesmos. Os professores podem enviar e receber documentos facilmente de todos os alunos da turma e manter-se atentos ao trabalho dos mesmos ao ver os respetivos ecrãs.
  • O iTunes U ajuda os professores a criar e apresentar lições interessantes nas aulas e permite que qualquer pessoa com um iPhone ou iPad aprenda a partir de uma vasta coleção de conteúdos didáticos das melhores escolas, universidades e instituições culturais.

As aplicações avançadas de criatividade e produtividade disponíveis no iPad e Mac ajudam os alunos a expressarem-se de maneiras únicas.

  • As aplicações Pages, Numbers e Keynote são ideais para ajudar os alunos e professores a criar relatórios e livros apelativos, folhas de cálculo detalhadas e apresentações impressionantes. Os alunos podem trabalhar individualmente ou colaborar em tempo real com outros colegas num projeto.
  • As aplicações GarageBand, iMovie e Clips permitem que os alunos e professores componham música, editem documentários ou gravem pequenos clips de vídeo.
  • A aplicação Swift Playgrounds para iPad mostra-lhe como começar a utilizar o Swift (a nossa linguagem de programação avançada) de uma forma divertida e interativa. Além do mais, o programa Everyone Can Code, com um currículo abrangente, inclui lições para iPad e Mac, guias de ensino e aplicações que facilitam o ensino de programação. Acreditamos que a programação é uma competência essencial. Aprender a programar ensina os alunos a resolver problemas e a trabalhar em conjunto de formas criativas. Esta competência também os ajuda a criar aplicações que materializam as suas ideias. 

Saiba mais sobre osprodutos Apple para a educação.

Como protegemos os dados dos alunos

Acreditamos que a privacidade é um direito humano fundamental. Protegemos a privacidade de todos os clientes que utilizam os nossos produtos. Os locais para onde levam o iPad, os sites que visitam e as aplicações que utilizam: não precisamos nem queremos nenhuma destas informações pessoais para fornecermos experiências excelentes. É por isso que todos os nossos produtos, incluindo os que foram concebidos para o setor educativo (como o Apple School Manager, a aplicação TPC e os ID Apple geridos), têm funcionalidades e controlos de privacidade integrados. Não vendemos as informações dos alunos e nunca partilhamos estas informações com terceiros para utilização em marketing ou publicidade. Da mesma forma, nunca criamos perfis com base nos e-mails ou no histórico de navegação na web dos alunos.

Consulte o documento Privacy Overview for Parents (Visão geral de privacidade para pais)

Dados de alunos associados a aplicações e serviços Apple para a educação

Quando as escolas utilizam o Apple School Manager para permitir que os alunos acedam aos respetivos serviços, a Apple efetua o processamento desses dados em nome da escola. Os dados dos alunos permanecem sob propriedade e controlo da escola.

A Apple apenas recebe e processa os dados dos alunos em nome da escola e de acordo com as instruções da mesma. Garantimos que as informações pessoais que as escolas nos confiam sobre os alunos são utilizadas somente para fins educativos. Não criamos perfis de alunos com base no respetivo comportamento online e nunca venderemos informações de alunos para qualquer propósito.

O Apple School Manager é o portal administrativo de TI da Apple e foi concebido a pensar na privacidade dos alunos. Por exemplo, os administradores podem configurar contas com ID Apple geridos e listas de alunos no Apple School Manager ao importarem um conjunto mínimo de dados, como os nomes dos alunos e as aulas em que estão inscritos. As restantes informações dos alunos que a escola possa ter no respetivo sistema de informações de alunos não serão importadas, exceto se a escola optar especificamente por fazê-lo.

Cada ID Apple gerido criado no Apple School Manager pode ter as seguintes informações associadas, que poderão ser consultadas pela escola na lista de contas ou quando uma conta for selecionada no Apple School Manager:

  • Um ID alfanumérico exclusivo dessa conta, o nome próprio, segundo nome e apelido, a localização da escola atribuída, as aulas em que essa pessoa está inscrita, o cargo (por exemplo, aluno, professor ou administrador, entre outros), a fonte dos dados (importados do Sistema de informações de alunos ou criados manualmente, entre outros), a data de criação, a data de modificação, o nível escolar (se fornecido), o endereço de e-mail (se fornecido).
  • Saiba mais sobre os ID Apple geridos (em inglês).

A aplicação TPC ajuda os professores a partilhar os materiais didáticos e a compreender melhor o progresso dos alunos nas aplicações e livros que utilizam com os mesmos. Esta aplicação utiliza as informações dos alunos e da lista de alunos que os administradores configuram no Apple School Manager. Opcionalmente, uma escola pode ativar o registo do progresso dos alunos com a aplicação TPC no Apple School Manager. Desta forma, os programadores de aplicações podem partilhar com os professores, de uma forma segura e privada, o progresso dos alunos nas atividades atribuídas em ambientes geridos pela escola (por exemplo, a leitura do capítulo de um livro, a resolução de um conjunto de equações matemáticas ou a realização de um teste). Estes dados permitem aos professores e aos alunos compreender melhor o progresso da aprendizagem nas atividades atribuídas. Assim, os professores podem fornecer atividades complementares ou mais ajuda com base nas necessidades dos alunos.

As informações sobre o progresso partilhadas com cada professor através da aplicação TPC para a atribuição de atividades variam em função do tipo de dados gerados pela aplicação participante. No entanto, podem incluir os seguintes elementos: tempo despendido, temporizadores de início e fim, classificação do teste, progresso, pontos obtidos e valores binários (por exemplo, Sim/Não, Verdadeiro/Falso ou Concluído/Incompleto).

No documento Data and Privacy Overview for Schools (Visão geral sobre dados e privacidade para as escolas), pode encontrar mais informações sobre como a Apple gere os dados e a privacidade dos alunos com ID Apple geridos e em funcionalidades pedagógicas relacionadas.

Proteções de privacidade dos dados de alunos

Os produtos e serviços Apple para a educação foram concebidos com a mesma abordagem integrada à privacidade que é fundamental na conceção de todos os serviços, software e hardware da Apple. Não criamos perfis de alunos com base no respetivo comportamento online e nunca venderemos informações de alunos para qualquer propósito. Processamos os dados localmente sempre que possível, utilizamos a quantidade mínima de dados necessários para permitir o funcionamento dos nossos serviços e funcionalidades, e fornecemos transparência e controlo sobre a forma como as informações são partilhadas.

Por exemplo, quando os alunos veem sugestões do QuickType enquanto escrevem uma mensagem para os professores, esta funcionalidade é ativada através da inteligência integrada no dispositivo e não são enviados quaisquer dados para os nossos servidores. Quando um professor vê o ecrã de um aluno com a aplicação Sala de Aula ou quando um aluno conclui uma tarefa cujo progresso é registado na aplicação TPC, o aluno recebe uma notificação na parte superior do ecrã para garantir a transparência. Quando os alunos utilizam os ID Apple geridos para colaborar em documentos do Pages, Numbers ou Keynote, só podem trabalhar em conjunto com outros utilizadores da escola. 

Os ID Apple geridos que os alunos utilizam na escola para iniciar sessão nos dispositivos, aceder aos materiais didáticos e utilizar os principais serviços do iCloud foram concebidos especificamente para proteger a privacidade dos alunos e incluem limitações em compras e comunicações. As compras individuais estão desativadas na App Store, iBooks Store, iTunes e Apple Music, e os materiais didáticos e aplicações são distribuídos pela escola. A escola é proprietária e controla as informações dos alunos e pode decidir ativar ou desativar serviços como o iMessage, o FaceTime ou o registo do progresso de alunos na aplicação TPC.

A aplicação TPC foi concebida para proteger a privacidade dos alunos. Quando uma escola ativa o registo do progresso na aplicação TPC no Apple School Manager, apenas são partilhados os dados de progresso dos alunos relacionados com as atividades que o professor lhes atribuir especificamente (por exemplo, um Enunciado atribuído através da aplicação TPC), e estas informações apenas são partilhadas quando os alunos estão a utilizar no dispositivo o ID Apple gerido criado para os mesmos pela escola. O progresso dos alunos nas atividades que não lhes foram atribuídas não será partilhado nem apresentado. Por exemplo, se um professor atribuir aos alunos o trabalho de ler o prólogo do livro Romeu e Julieta no iBooks e o aluno também ler O Grande Gatsby, o aluno e o professor apenas verão os dados de progresso relativos ao prólogo, dado que era o único trabalho atribuído para leitura. Para garantir a transparência quando o registo do progresso está ativo, é apresentada uma notificação aos alunos a indicar que o progresso está a ser registado.

Na App Store, a Apple exige que os programadores de aplicações concordem com normas específicas concebidas para proteger a privacidade e a segurança dos utilizadores. Exigimos requisitos adicionais a todos os programadores que adotam a nossa estrutura, denominada ClassKit, para o registo do progresso de alunos com a aplicação TPC. Além dos nossos requisitos padrão para a publicação de uma aplicação na App Store, só permitimos que os programadores adotem a estrutura ClassKit se a utilização da ClassKit tiver como propósito fornecer serviços educativos. Não podem apresentar publicidade baseada no comportamento e também têm de fornecer uma Política de Privacidade adequada que abranja todas as formas como podem utilizar as informações pessoais. 

Saiba mais sobre o compromisso da Apple para com a privacidade

No documento Data and Privacy Overview for Schools (Visão geral sobre dados e privacidade para as escolas), pode encontrar mais informações sobre como a Apple gere os dados e a privacidade dos alunos com ID Apple geridos e em funcionalidades pedagógicas relacionadas.

O documento Parent Guide to Privacy (Guia parental de privacidade) pode ajudar os pais e tutores legais a compreenderem como a Apple protege a privacidade das informações dos alunos.

O Contrato do Apple School Manager apresenta os termos e condições sobre a recolha e o armazenamento das informações dos alunos, incluindo as provisões de privacidade de dados específicas dos clientes do setor educativo. 

Proteções de segurança dos dados de alunos

Todos os dados de alunos enviados pela escola para a Apple são cifrados durante a transmissão e armazenamento. A Apple conserva as chaves de cifragem em centros de dados seguros.

Os ficheiros armazenados em dispositivos iPad e Mac (por exemplo, notas, documentos ou projetos criativos) estão protegidos através da cifragem. A cifragem já está ativada automaticamente em dispositivos iPad. É gerada uma chave de cifragem exclusiva a partir do código do utilizador para proteger os dados ao nível dos ficheiros com uma cifragem AES de 256 bits. Em dispositivos Mac, a cifragem pode ser ativada com o FileVault. 

O iCloud, o serviço na nuvem da Apple, protege os dados ao cifrá-los com o protocolo de rede segura TLS 1.2 para fornecer privacidade e integridade de dados quando os mesmos são enviados pela Internet, armazenando-os num formato cifrado quando são mantidos no servidor e utilizando tokens de segurança para a autenticação. Isto significa que os dados dos alunos estão protegidos contra o acesso não autorizado durante a transmissão para os dispositivos e quando estão armazenados no iCloud. O iCloud utiliza um mínimo de 128 bits de cifragem AES, o mesmo nível de segurança utilizado pela maioria das principais instituições financeiras, e nunca fornece chaves de cifragem a terceiros. A Apple conserva as chaves de cifragem em centros de dados seguros. O iCloud também armazena as palavras-passe e credenciais dos alunos de modo a impedir que a Apple consiga aceder ou ler as mesmas.

Saiba mais sobre a segurança e privacidade do iCloud.

Conservação e armazenamento dos dados dos alunos

A Apple armazena os dados do Apple School Manager, dos ID Apple geridos, da aplicação TPC, do iTunes U e do iCloud em centros de dados seguros que estão sujeitos a normas e requisitos de armazenamento de dados rigorosos. Recebemos a certificação ISO 27001, uma das normas padrão de segurança independente mais reconhecidas e internacionalmente aceites para infraestruturas e sistemas na nuvem, e também a certificação ISO 27018, a norma padrão internacional para proteção de informações de teor pessoal (PII) em serviços públicos na nuvem. 

Os funcionários escolares autorizados podem criar e apagar ID Apple geridos no Apple School Manager, conforme necessário, e todas as informações associadas a contas apagadas serão apagadas dos servidores da Apple no prazo de 30 dias.

Os dados do progresso de um aluno recolhidos pela aplicação TPC são armazenados até que o mesmo saia da aula, conforme a lista de alunos no Apple School Manager. Quando um aluno sai de uma aula, os dados dessa aula são apagados. Um pai também pode pedir que a escola desative o registo do progresso do respetivo filho na aplicação TPC. Caso o faça, todos os dados previamente registados em todas as aulas serão apagados. Os dados apagados pela escola através deste procedimento serão apagados dos servidores da Apple no prazo de 30 dias.

Quando uma escola pretender deixar de utilizar o Apple School Manager, todos os dados relevantes dos alunos serão apagados no prazo máximo de 180 dias.

Controlos de dados de localização

A Apple fornece aos utilizadores um controlo granular sobre a gestão e partilha dos dados de localização em aplicações e serviços na nuvem. Por predefinição, os Serviços de localização estão desativados, mas podem ser ativados pelo aluno caso seja permitido pela escola. 

As aplicações integradas da Apple, como as aplicações Mapas, Meteorologia ou Câmara, também precisam de pedir permissão para recolher e utilizar dados que indicam a localização. Os dados de localização recolhidos pela Apple são recolhidos num formato que não identifica pessoalmente o aluno. As restantes aplicações disponibilizadas pela escola também precisam de pedir permissão para aceder aos dados de localização. Os alunos, como todos os nossos clientes, podem aprovar e revogar o acesso de cada aplicação que peça para utilizar o serviço.

Sempre que uma aplicação no iPad utiliza os Serviços de localização, será apresentado um ícone de seta na barra de menus a informar o utilizador de que a localização está a ser partilhada. 

A localização de um utilizador não está sempre disponível para a escola através das funcionalidades e serviços Apple. No entanto, os Serviços de localização podem ser utilizados para ajudar uma escola a recuperar um dispositivo perdido ou roubado. Um administrador de MDM pode ativar remotamente o Modo perdido num dispositivo escolar. Com o Modo perdido ativado, a sessão do utilizador atual é terminada e o dispositivo não pode ser desbloqueado. O ecrã apresenta uma mensagem que pode ser personalizada pelo administrador (por exemplo, um aviso com o número de telefone a contactar caso o dispositivo seja encontrado). Quando o dispositivo é colocado no Modo perdido, o administrador pode pedir que o mesmo envie a localização atual para o servidor MDM. Quando um administrador desativa o Modo perdido de um dispositivo, a localização do dispositivo é enviada e o utilizador é informado desta ação. 

Acesso aos dados dos alunos a partir de aplicações e serviços Apple

O Apple School Manager possibilita um controlo granular dos acessos, permitindo que sejam concedidos diferentes privilégios a diferentes indivíduos com base no cargo (aluno, formador, gestor, administrador). Os administradores e gestores podem criar novas contas, definir cargos e permissões, e ver informações sobre as contas existentes (por exemplo, os nomes e as aulas nas quais os alunos estão inscritos). Também podem repor palavras-passe e realizar auditorias às contas sempre que necessário.

Os ID Apple geridos permitem que os funcionários autorizados pela escola realizem uma auditoria à conta de um aluno, segundo o critério da escola. Esta funcionalidade mantém um protocolo rigoroso que regista todas as auditorias. Através da mesma, um administrador, gestor ou professor pode obter privilégios de auditoria no Apple School Manager, o portal de TI da Apple. As permissões de auditoria expiram após 8 horas. Durante o período de auditoria, o auditor pode aceder aos conteúdos do utilizador armazenados no iCloud ou em aplicações que armazenem dados no iCloud. O auditor também pode ver os dados de progresso recolhidos na aplicação TPC. Quando a escola realiza uma auditoria a uma conta, a mesma é registada e são também indicadas a data e hora e as credenciais do auditor. Todas estas informações ficam visíveis para os administradores e gestores no Apple School Manager. Caso seja necessário, os pais poderão coordenar com a administração da escola a realização da auditoria na conta do aluno.

Na aplicação TPC, apenas o aluno e os professores indicados como formadores de uma aula na qual o aluno está inscrito (de acordo com os dados da lista de alunos da escola no Apple School Manager) terão acesso às informações de progresso do aluno e apenas se a escola tiver ativado o registo do progresso de alunos no Apple School Manager. Cada aluno apenas tem acesso aos respetivos dados e cada professor apenas tem acesso aos dados de progresso do aluno nas atividades atribuídas da aula específica que leciona. 

Com a aplicação Sala de Aula, os dispositivos iPad dos alunos só podem ser geridos na aula e nenhum dado é armazenado após a aula terminar. O professor e os alunos têm de estar próximos, ter sessão iniciada na mesma rede Wi-Fi e estar numa sessão de aula ativa. O professor não pode gerir nem ver os dispositivos dos alunos fora da aula. Para garantir a transparência quando a Vista de ecrã está ativa para o ecrã de um aluno na aula, é apresentada uma notificação na parte superior do ecrã a indicar-lhe que o ecrã está a ser visto. Um aluno pode aceder às informações do professor específico que está a ver o ecrã a partir das Definições no iPad. As escolas podem optar por desativar a Vista de ecrã se preferirem que os professores não vejam os ecrãs dos alunos.

Opção dos pais para desativar o registo de progresso dos seus filhos

Os pais podem pedir à escola que desative as funcionalidades de registo de progresso da aplicação TPC em todas as aulas do aluno. Quaisquer dados anteriormente recolhidos sobre esse aluno serão apagados. Se desejar, o aluno pode continuar a participar nas atividades atribuídas através da aplicação TPC, mas o progresso não será registado.

Limites na publicidade

As aplicações Apple para a educação (por exemplo, Sala de Aula e TPC) não contêm anúncios. O mesmo acontece nas nossas aplicações de criatividade e produtividade, como o Pages, Numbers, Keynote, Clips, iMovie e GarageBand.

O controlo "Limitar seguimento" da Apple está ativado para todos os ID Apple geridos. Este controlo garante que, embora os alunos com ID Apple geridos vejam anúncios contextuais enquanto navegam na Apple News ou na App Store, a publicidade nunca é direcionada aos alunos com base nas informações dos mesmos.

As aplicações na categoria infantil da App Store e as aplicações que utilizam a estrutura ClassKit para registar o progresso de alunos na aplicação TPC estão proibidas de apresentar anúncios baseados no comportamento dos alunos.

Contratos legais entre a escola, a Apple e os programadores de aplicações sobre a recolha e armazenamento de informações de alunos

O Contrato do Apple School Manager apresenta os termos sobre a recolha e o armazenamento das informações dos alunos pela Apple, incluindo as provisões de privacidade de dados específicas dos clientes do setor educativo. Ao abrigo deste contrato, a Apple efetua o processamento dos dados que são criados no Apple School Manager e na aplicação TPC. 

Apesar de a Apple ter normas de programação rigorosas para aplicações utilizadas nas escolas, as escolas devem avaliar todas as aplicações consideradas para utilização em salas de aula relativamente à política de privacidade para garantir a conformidade com as políticas e obrigações legais da escola.

Na App Store, a Apple exige que os programadores de aplicações concordem com normas específicas concebidas para proteger a privacidade e a segurança dos utilizadores. Exigimos requisitos adicionais a todos os programadores que adotem a nossa estrutura ClassKit para o registo do progresso de alunos. Além dos nossos requisitos padrão para a publicação de uma aplicação na App Store, exigimos que os programadores adotem a estrutura ClassKit apenas se a utilização da ClassKit tiver como propósito fornecer serviços educativos. Não podem apresentar publicidade baseada no comportamento na aplicação e também têm de fornecer uma Política de Privacidade adequada que abranja todas as formas como podem utilizar as informações pessoais.

Embora qualquer aplicação utilizada pela escola possa gerar dados de progresso de alunos (como classificações de testes ou progresso de leituras), os dados só são partilhados com a Apple através das aplicações que adotaram a estrutura ClassKit e apenas para as escolas que ativaram explicitamente o registo do progresso de alunos. 

Divulgação dos dados de alunos a terceiros

A Apple nunca venderá informações de alunos e nunca partilhará estas informações com terceiros para utilização em publicidade ou anúncios. Nunca criamos perfis de alunos com base no respetivo comportamento online e não recolhemos, utilizamos ou divulgamos informações de alunos, exceto para fornecer serviços educativos relevantes. 

A Apple não disponibiliza as informações pessoais dos alunos às aplicações que registam o progresso de alunos com a aplicação TPC. Os dados de progresso que são gerados pela aplicação participante (por exemplo, respostas a perguntas de testes ou o progresso feito na leitura do capítulo de um livro) só podem ser partilhados com a aplicação TPC se forem relativos a atividades atribuídas que utilizem a nova estrutura ClassKit e apenas se essa funcionalidade for ativada pela escola. No entanto, independentemente do registo do progresso de alunos na aplicação TPC, as escolas podem optar por fornecer as informações dos alunos a um programador, para que este configure o acesso a determinadas aplicações nas contas dos alunos. 

Conformidade com a lei de privacidade de alunos

As escolas podem utilizar as funcionalidades e serviços Apple para a educação em conformidade com as respetivas obrigações ao abrigo da COPPA e da FERPA nos Estados Unidos e de outras leis de privacidade de dados aplicáveis nas respetivas jurisdições onde o Apple School Manager estiver disponível. 

Também estamos em conformidade com os requisitos do Regulamento Geral sobre a Proteção de Dados da União Europeia, as regras atualizadas da União Europeia sobre a privacidade e controlo do utilizador sobre os respetivos dados, que entra em vigor em maio de 2018. 

A Apple armazena os dados do Apple School Manager, dos ID Apple geridos, da aplicação TPC, do iTunes U e do iCloud em centros de dados seguros que estão sujeitos a normas e requisitos de armazenamento de dados rigorosos. Recebemos as certificações ISO 27001 e ISO 27018 pela implementação de um Sistema de Gestão da Segurança da Informação com medidas para proteger informações de teor pessoal (PII) em ambientes na nuvem públicos.

Para reiterar o compromisso para com a privacidade, a Apple assinou o Student Privacy Pledge (Compromisso para com a privacidade do aluno) apresentado pelo Future of Privacy Forum (FPF) e pela Software & Information Industry Association (SIIA).

Informações adicionais para escolas e pais

Saiba mais sobre os recursos adicionais da Apple e de outras organizações. 

Gestão de dispositivos de alunos pelas escolas

Para suportar o ambiente de aprendizagem e manter os alunos concentrados em aprender, as escolas podem utilizar software de gestão de dispositivos móveis (MDM) para dispositivos pertencentes à escola, bem como para dispositivos pertencentes aos alunos que os mesmos levem para a escola. A MDM faz com que seja mais fácil para os administradores das escolas configurar as definições e políticas dos dispositivos para permitir o acesso à rede, a navegação segura na web, as atualizações de software e muito mais. Adicionalmente, facilita a distribuição das aplicações e dos livros que os alunos utilizam para aprender.

Desta forma, a escola pode garantir que os dispositivos estão configurados para possibilitar a melhor experiência de aprendizagem, assegurar uma utilização segura e sem quaisquer distrações provocadas por aplicações e páginas web que a escola não aprova. 

Se o dispositivo do aluno pertencer à escola, as definições, restrições e aplicações para iPad e Mac podem ser configuradas com software MDM ou com o Apple Configurator. Estas soluções permitem supervisionar os dispositivos para impedir que as definições sejam removidas. Se o aluno trouxer o próprio dispositivo para a escola, terá de ativar o software de gestão da escola para que o dispositivo possa ser gerido. Neste caso, como a escola não é a proprietária do dispositivo, as definições de MDM do dispositivo podem ser removidas por um aluno ou pai em qualquer altura.

Avaliar a privacidade e segurança das aplicações utilizadas na sala de aula

Ao selecionar as aplicações a utilizar na escola, é importante (para além do valor pedagógico) que as escolas avaliem a forma como a aplicação processa os dados dos alunos.

Qualquer aplicação que seja considerada deve ter uma política de privacidade que indique, de forma transparente e em linguagem simples, a forma como os programadores lidam com os seguintes aspetos:

  • Uma descrição dos tipos de dados recolhidos e, idealmente, todas as medidas que utilizam para minimizar a recolha de dados. Por exemplo, uma aplicação de apresentações interativas não precisa de aceder à localização do utilizador, mas uma aplicação de mapeamento precisa dessa informação.
  • Serão alguns dos dados armazenados fora do país de origem? Como é que o programador garante que os centros de dados são seguros e protegem contra a violação de dados? 
  • Os dados, na sua totalidade ou parcialmente, são cifrados durante o armazenamento? Os dados são transferidos através de métodos de cifragem (por exemplo, HTTPS), como exigido pela App Transport Security da Apple?
  • O programador utiliza os dados apenas para os fins educativos explícitos da aplicação (por exemplo, não os utiliza para publicidade ou criação de perfis)?
  • O programador partilha dados com terceiros? Com que propósito?
  • O programador assinou o Student Privacy Pledge (Compromisso para com a privacidade do aluno)?

Recursos escolares para comunicar as práticas de privacidade e segurança aos pais

A Apple desenvolveu um kit de comunicação (em inglês) para ajudar os diretores das escolas a comunicar com toda a comunidade de ensino sobre as respetivas iniciativas de aprendizagem com a Apple. Este kit inclui modelos para uma apresentação personalizada do Keynote que os diretores das escolas podem utilizar durante as reuniões com os pais ou com o conselho escolar. Desta forma, podem contar a história da sua iniciativa, desde a visão de aprendizagem com tecnologia até ao planeamento, à execução e às estratégias para manter os alunos seguros durante a utilização da tecnologia. 

As escolas também podem distribuir o documento Parent Guide to Privacy (Guia parental de privacidade) para ajudar os pais e tutores legais a compreender como a Apple protege a privacidade das informações dos alunos.

Opções disponibilizadas aos pais para configurar o iPad e o Mac dos seus filhos

Os pais podem utilizar restrições, também denominadas controlos parentais, para bloquear ou limitar determinadas aplicações e funcionalidades nos dispositivos dos seus filhos. Por exemplo, os pais podem restringir conteúdos, como filmes ou música, de acordo com a idade recomendada, bloquear determinadas aplicações ou páginas web e restringir a partilha de dados privados, como a localização da criança. 

É habitual as escolas utilizarem perfis de configuração que podem ativar restrições semelhantes de acordo com a política de tecnologia da escola. Para verificar se o dispositivo tem um perfil, aceda a Definições > Geral > Perfis. Contacte o administrador ou o responsável pela configuração do perfil para obter mais informações.

Saiba mais sobre as ferramentas que fornecemos para ajudar os pais a escolher o que os seus filhos podem fazer nos dispositivos na nossa página para as famílias.

Recursos para ajudar as crianças a tornarem-se bons cidadãos digitais 

Estão disponíveis muitos recursos para ajudar os alunos a tornarem-se bons cidadãos digitais e para orientar as escolas e os pais. Por exemplo, a Common Sense Media tem materiais para os pais e também para as escolas. Os pais e os alunos também devem rever a política de tecnologia da escola relativamente à utilização aceitável, ao e-mail, ao armazenamento e carregamento de dispositivos e ao acesso a conteúdos e aplicações, entre outros aspetos. 

Numa Apple Store, pode participar em sessões gratuitas para crianças e pais no âmbito do programa Today at Apple.

A Common Sense Media disponibiliza um programa de cidadania digital (em inglês) para as escolas.

O Future Privacy Forum disponibiliza o documento A Parents’ Guide to Student Data Privacy (Um guia parental sobre a privacidade dos dados dos alunos).

 

As informações sobre os produtos não fabricados pela Apple ou os sites independentes não controlados ou testados pela Apple são disponibilizadas sem recomendações nem aprovação. A Apple não assume qualquer responsabilidade no que diz respeito à seleção, ao desempenho ou à utilização dos sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a fiabilidade dos sites de terceiros. Existem riscos inerentes à utilização da Internet. Contacte o fornecedor para obter informações adicionais. Outros nomes de empresas e de produtos podem ser marcas comerciais dos respetivos proprietários.

Data de publicação: