Acerca dos conteúdos de segurança do iOS 13.4 e do iPadOS 13.4

Este documento descreve os conteúdos de segurança do iOS 13.4 e do iPadOS 13.4.

Acerca das atualizações de segurança da Apple

Para proteção dos nossos clientes, a Apple não divulga, comenta nem confirma problemas de segurança enquanto não for efetuada uma investigação e não estiverem disponíveis as correções ou os lançamentos necessários. Os lançamentos recentes são apresentados na página Atualizações de segurança da Apple.

Sempre que possível, os documentos de segurança da Apple designam as vulnerabilidades através de ID CVE.

Para obter mais informações acerca da segurança, consulte a página Segurança dos produtos Apple.

iOS 13.4 e iPadOS 13.4

Data de lançamento: 24 de março de 2020

Contas

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um processo na sandbox poderá ser capaz de contornar as restrições da sandbox

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através de restrições melhoradas.

CVE-2020-9772: Allison Husain da UC Berkeley

Entrada adicionada a 21 de maio de 2020

ActionKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma app poderá conseguir utilizar um cliente SSH fornecido por estruturas privadas

Descrição: este problema foi resolvido com novos direitos.

CVE-2020-3917: Steven Troughton-Smith (@stroughtonsmith)

AppleMobileFileIntegrity

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma app poderá conseguir utilizar direitos arbitrários

Descrição: este problema foi resolvido através de verificações melhoradas.

CVE-2020-3883: Linus Henze (pinauten.de)

Bluetooth

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um atacante com uma posição privilegiada na rede poderá conseguir intercetar o tráfego de Bluetooth

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através da gestão melhorada do estado.

CVE-2020-9770: Jianliang Wu do PurSec Lab da Purdue University, Xinwen Fu e Yue Zhang da University of Central Florida

CoreFoundation

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir aumentar os privilégios

Descrição: existia um problema de permissões. Este problema foi resolvido através da validação melhorada de permissões.

CVE-2020-3913: Timo Christ da Avira Operations GmbH & Co. KG

Ícones

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: definir um ícone de app alternativo poderá divulgar uma fotografia sem ser necessária permissão para aceder às fotografias

Descrição: foi resolvido um problema de acesso através de restrições adicionais da sandbox.

CVE-2020-3916: Vitaliy Alekseev (@villy21)

Ícones

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir identificar que outras aplicações foram instaladas por um utilizador

Descrição: o problema foi resolvido através do processamento melhorado de caches de ícones.

CVE-2020-9773: Chilik Tamir da Zimperium zLabs

Processamento de imagem

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma app poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do sistema

Descrição: foi resolvido um problema do tipo "use after free" (utilização após libertação de memória) com a gestão melhorada da memória.

CVE-2020-9768: Mohamed Ghannam (@_simo36)

IOHIDFamily

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do kernel

Descrição: foi resolvido um problema de inicialização de memória através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3919: Alex Plaskett da F-Secure Consulting

Entrada atualizada a 21 de maio de 2020

Kernel

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma app poderá conseguir ler a memória restrita

Descrição: foi resolvido um problema de inicialização de memória através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3914: pattern-f (@pattern_F_) da WaCai

Kernel

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do kernel

Descrição: foram resolvidos vários problemas de corrupção de memória através da gestão melhorada do estado.

CVE-2020-9785: Proteas da Equipa Nirvan da Qihoo 360

libxml2

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: vários problemas no libxml2

Descrição: foi resolvido um problema de ultrapassagem do limite máximo do buffer com a validação melhorada do tamanho.

CVE-2020-3910: LGTM.com

libxml2

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: vários problemas no libxml2

Descrição: foi resolvido um problema de ultrapassagem do limite máximo do buffer através da verificação melhorada dos limites.

CVE-2020-3909: LGTM.com

CVE-2020-3911: detetado por OSS-Fuzz

Mail

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um utilizador local poderá ver conteúdo apagado no seletor de apps

Descrição: o problema foi resolvido ao limpar pré-visualizações de apps quando o conteúdo é apagado.

CVE-2020-9780: um investigador anónimo, Dimitris Chaintinis

Anexos na app Mail

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: os vídeos cortados poderão não ser partilhados devidamente através da app Mail

Descrição: existia um problema na seleção de um ficheiro de vídeo pela app Mail. O problema foi resolvido ao selecionar a versão mais recente de um vídeo.

CVE-2020-9777

Mensagens

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma pessoa com acesso físico a um dispositivo iOS bloqueado poderá conseguir responder a mensagens mesmo quando as respostas estão desativadas

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através da gestão melhorada do estado.

CVE-2020-3891: Peter Scott

Composição de mensagens

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: os grupos de mensagens eliminadas poderão continuar a ser sugeridos como uma conclusão automática

Descrição: o problema foi resolvido através da eliminação melhorada.

CVE-2020-3890: um investigador anónimo

Safari

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: a atividade de navegação privada de um utilizador poderá ser inesperadamente gravada no Tempo de ecrã

Descrição: existia um problema no processamento dos separadores que apresentavam vídeo no modo Picture in Picture. O problema foi resolvido através do processamento melhorado do estado.

CVE-2020-9775: Andrian (@retroplasma), Marat Turaev, Marek Wawro (futurefinance.com) e Sambor Wawro da STO64 School Krakow Poland

Entrada atualizada a 1 de maio de 2020

Safari

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um utilizador poderá conceder permissões de site a um site que não pretendia

Descrição: o problema foi resolvido através da limpeza dos pedidos de permissão do site após a navegação.

CVE-2020-9781: Nikhil Mittal (@c0d3G33k) da Payatu Labs (payatu.com)

Sandbox

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um utilizador local poderá conseguir visualizar informações confidenciais de utilizadores

Descrição: foi resolvido um problema de acesso através de restrições adicionais da sandbox.

CVE-2020-3918: um investigador anónimo, Augusto Alvarez da Outcourse Limited

Entrada adicionada a 1 de maio de 2020 e atualizada a 21 de maio de 2020

App web

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma página criada com intuito malicioso poderá interferir com outros contextos web

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através de restrições melhoradas.

CVE-2020-3888: Darren Jones da Dappological Ltd.

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: alguns sites podem não ter aparecido nas preferências do Safari

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através de restrições melhoradas.

CVE-2020-9787: Ryan Pickren (ryanpickren.com)

Entrada adicionada a 1 de maio de 2020

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: uma app poderá conseguir ler a memória restrita

Descrição: foi resolvida uma condição de disputa através de validação adicional.

CVE-2020-3894: Sergei Glazunov do Google Project Zero

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um atacante remoto poderá conseguir provocar a execução de um código arbitrário

Descrição: foi resolvido um problema de consumo de memória através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3899: detetado por OSS-Fuzz

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: o processamento de conteúdos web criados com intuito malicioso poderá provocar um ataque de execução de scripts entre sites

Descrição: foi resolvido um problema de validação da entrada através da validação melhorada da entrada.

CVE-2020-3902: Yiğit Can YILMAZ (@yilmazcanyigit)

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: o processamento de conteúdos web criados com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

Descrição: foi resolvido um problema de corrupção de memória através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3895: grigoritchy

CVE-2020-3900: Dongzhuo Zhao em colaboração com ADLab da Venustech

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: o processamento de conteúdos web criados com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

Descrição: foi resolvido um problema de confusão de tipos através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3901: Benjamin Randazzo (@____benjamin)

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: a origem de uma descarga poderá ser incorretamente associada

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através de restrições melhoradas.

CVE-2020-3887: Ryan Pickren (ryanpickren.com)

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: o processamento de conteúdos web criados com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código

Descrição: foi resolvido um problema do tipo "use after free" (utilização após libertação de memória) com a gestão melhorada da memória.

CVE-2020-9783: Apple

WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: um atacante remoto poderá conseguir provocar a execução de um código arbitrário

Descrição: foi resolvido um problema de confusão de tipos através do processamento melhorado da memória.

CVE-2020-3897: Brendan Draper (@6r3nd4n) em colaboração com o programa Zero Day Initiative da Trend Micro

Carregamento de páginas do WebKit

Disponível para: iPhone 6s e posterior, iPad Air 2 e posterior, iPad mini 4 e posterior e iPod touch (7.ª geração)

Impacto: o URL de um ficheiro poderá ser incorretamente processado

Descrição: foi resolvido um problema de lógica através de restrições melhoradas.

CVE-2020-3885: Ryan Pickren (ryanpickren.com)

Agradecimentos adicionais

4FontParser

Gostaríamos de agradecer a Matthew Denton do Google Chrome pela sua colaboração.

Kernel

Gostaríamos de agradecer a Siguza pela sua colaboração.

LinkPresentation

Gostaríamos de agradecer a Travis pela sua colaboração.

Notas

Gostaríamos de agradecer a Mike DiLoreto pela sua colaboração.

rapportd

Gostaríamos de agradecer a Alexander Heinrich (@Sn0wfreeze) da Technische Universität Darmstadt pela sua colaboração.

Leitor do Safari

Gostaríamos de agradecer a Nikhil Mittal (@c0d3G33k) da Payatu Labs (payatu.com) pela sua colaboração.

Sidecar

Gostaríamos de agradecer a Rick Backley (@rback_sec) pela sua colaboração.

SiriKit

Gostaríamos de agradecer a Ioan Florescu e a Ki Ha Nam pela sua colaboração.

WebKit

Gostaríamos de agradecer a Emilio Cobos Álvarez da Mozilla e a Samuel Groß do Google Project Zero pela sua colaboração.

Entrada atualizada a 4 de abril de 2020

As informações sobre os produtos não fabricados pela Apple ou os sites independentes não controlados ou testados pela Apple são disponibilizadas sem recomendações nem aprovação. A Apple não assume qualquer responsabilidade no que diz respeito à seleção, ao desempenho ou à utilização dos sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a fiabilidade dos sites de terceiros. Contacte o fornecedor para obter mais informações.

Data de publicação: