Acerca dos conteúdos de segurança do iOS 9.1

Este documento descreve os conteúdos de segurança do iOS 9.1.

Para proteção dos nossos clientes, a Apple não divulga, comenta nem confirma problemas de segurança enquanto não for efetuada uma investigação completa e não estiverem disponíveis as correções ou versões necessárias. Para obter mais informações acerca da Segurança dos produtos Apple, consulte o site Segurança dos produtos Apple.

Para obter informações sobre a chave PGP de segurança dos produtos Apple, consulte o artigo Como utilizar a chave PGP de segurança dos produtos Apple.

Sempre que possível, são utilizados ID CVE para designar as vulnerabilidades e disponibilizar mais informações.

Para obter mais informações sobre outras atualizações de segurança, consulte o artigo Atualizações de segurança da Apple.

iOS 9.1

  • Accelerate Framework

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: visitar um site criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no Accelerate Framework em modo multi-threading. Este problema foi resolvido através da validação melhorada de elementos de acesso e do bloqueio melhorado de objetos.

    ID CVE

    CVE-2015-5940: Apple

  • Bom

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: desempacotar um arquivo criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existia uma vulnerabilidade de ficheiro transversal no processamento de arquivos CPIO. Este problema foi resolvido através da validação melhorada de metadados.

    ID CVE

    CVE-2015-7006: Mark Dowd da Azimuth Security

  • CFNetwork

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: visitar um site criado com intuito malicioso poderá provocar a substituição de cookies

    Descrição: existia um problema de análise no processamento de cookies com maiúsculas e minúsculas diferentes. Este problema foi resolvido através da análise melhorada.

    ID CVE

    CVE-2015-7023: Marvin Scholz e Michael Lutonsky, Xiaofeng Zheng e Jinjin Liang da Universidade de Tsinghua, Jian Jiang da Universidade da Califórnia, Berkeley, Haixin Duan da Universidade de Tsinghua e do International Computer Science Institute, Shuo Chen da Microsoft Research Redmond, Tao Wan da Huawei Canada, Nicholas Weaver do International Computer Science Institute e da Universidade da Califórnia, Berkeley, com a coordenação da CERT/CC

  • configd

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir aumentar privilégios

    Descrição: existia um problema de ultrapassagem do limite máximo do buffer na área dinâmica para dados na biblioteca de clientes DNS. Uma aplicação maliciosa com a capacidade de falsificar respostas do serviço configd local poderá ter conseguido provocar a execução de um código arbitrário em clientes DNS.

    ID CVE

    CVE-2015-7015: PanguTeam

  • CoreGraphics

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: visitar um site criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória no CoreGraphics. Estes problemas foram resolvidos através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-5925: Apple

    CVE-2015-5926: Apple

  • CoreText

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: o processamento de um ficheiro de tipo de letra criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória no processamento de ficheiros de tipo de letra. Estes problemas foram resolvidos através da verificação melhorada dos limites.

    ID CVE

    CVE-2015-6975: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-6992: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-7017: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

  • Imagens de disco

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do sistema

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória na análise de imagens de disco. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6995: Ian Beer do Google Project Zero

  • FontParser

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: o processamento de um ficheiro de tipo de letra criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória no processamento de ficheiros de tipo de letra. Estes problemas foram resolvidos através da verificação melhorada dos limites.

    ID CVE

    CVE-2015-5927: Apple

    CVE-2015-5942

    CVE-2015-6976: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-6977: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-6978: Jaanus Kp, Clarified Security, em colaboração com o programa Zero Day Initiative da HP

    CVE-2015-6990: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-6991: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-6993: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-7008: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-7009: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-7010: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

    CVE-2015-7018: John Villamil (@day6reak), Equipa Pentest da Yahoo

  • GasGauge

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do kernel

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no kernel. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6979: PanguTeam

  • Grand Central Dispatch

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: o processamento de um pacote criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no processamento de chamadas de envio. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6989: Apple

  • Controlador de gráficos

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: a execução de uma aplicação maliciosa poderá resultar na execução de um código arbitrário no kernel

    Descrição: existia um problema de confusão de tipos no AppleVXD393. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6986: Proteas da Equipa Nirvan da Qihoo 360

  • ImageIO

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: a visualização de um ficheiro de imagem criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória na análise de metadados de imagens. Estes problemas foram resolvidos através da validação melhorada de metadados.

    ID CVE

    CVE-2015-5935: Apple

    CVE-2015-5936: Apple

    CVE-2015-5937: Apple

    CVE-2015-5939: Apple

  • IOAcceleratorFamily

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do sistema

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no IOAcceleratorFamily. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6996: Ian Beer do Google Project Zero

  • IOHIDFamily

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir executar um código arbitrário com privilégios do kernel

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no kernel. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6974: Luca Todesco (@qwertyoruiop)

  • Kernel

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação local poderá conseguir provocar uma recusa de serviço

    Descrição: existia um problema na validação de entrada no kernel. Este problema foi resolvido através da validação melhorada de entrada.

    ID CVE

    CVE-2015-7004: Sergi Alvarez (pancake) da NowSecure Research Team

  • Kernel

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: um atacante com uma posição privilegiada na rede poderá conseguir executar um código arbitrário

    Descrição: existia um problema de memória não inicializada no kernel. Este problema foi resolvido através da inicialização melhorada da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-6988: The Brainy Code Scanner (m00nbsd)

  • Kernel

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação local poderá conseguir provocar uma recusa de serviço

    Descrição: existia um problema na reutilização da memória virtual. Este problema foi resolvido através da validação melhorada.

    ID CVE

    CVE-2015-6994: Mark Mentovai da Google Inc.

  • mDNSResponder

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: um atacante remoto poderá conseguir provocar o encerramento inesperado da aplicação ou a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória na análise de dados DNS. Estes problemas foram resolvidos através da verificação melhorada dos limites.

    ID CVE

    CVE-2015-7987: Alexandre Helie

  • mDNSResponder

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação local poderá conseguir provocar uma recusa de serviço

    Descrição: foi resolvido um problema de desreferenciação do indicador nulo através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-7988: Alexandre Helie

  • Central de notificações

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: as notificações de Telefone e Mensagens poderão ser apresentadas no ecrã bloqueado mesmo se estiverem desativadas

    Descrição: quando a opção "Ver no ecrã bloqueado" estava desativada para o Telefone ou as Mensagens, as alterações à configuração não eram imediatamente aplicadas. Este problema foi resolvido através da gestão de estado melhorada.

    ID CVE

    CVE-2015-7000: William Redwood da Hampton School

  • OpenGL

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: visitar um site criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existia um problema de corrupção de memória no OpenGL. Este problema foi resolvido através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-5924: Apple

  • Segurança

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: o processamento de um certificado criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória no descodificador ASN.1. Estes problemas foram resolvidos através da validação melhorada da entrada.

    ID CVE

    CVE-2015-7059: David Keeler da Mozilla

    CVE-2015-7060: Tyson Smith da Mozilla

    CVE-2015-7061: Ryan Sleevi da Google

  • Segurança

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir substituir ficheiros arbitrários

    Descrição: existia um problema de libertação dupla no processamento de descritores AtomicBufferedFile. Este problema foi resolvido através da validação melhorada de descritores AtomicBufferedFile.

    ID CVE

    CVE-2015-6983: David Benjamin, Greg Kerr, Mark Mentovai e Sergey Ulanov da Equipa do Google Chrome

  • Segurança

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: um atacante poderá conseguir fazer um certificado revogado aparentar ser válido

    Descrição: existia um problema de validação no cliente OCSP. Este problema foi resolvido ao verificar a data de validade do certificado OCSP.

    ID CVE

    CVE-2015-6999: Apple

  • Segurança

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma avaliação de confiança configurada para exigir a verificação da revogação poderá ser bem-sucedida mesmo que a verificação da revogação falhe

    Descrição: o identificador kSecRevocationRequirePositiveResponse era especificado, mas não implementado. Este problema foi resolvido implementando o identificador.

    ID CVE

    CVE-2015-6997: Apple

  • Telefonia

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: uma aplicação maliciosa poderá conseguir revelar informações confidenciais de utilizadores

    Descrição: existia um problema nas verificações de autorização para consultar o estado de chamadas telefónicas. Este problema foi resolvido através de consultas adicionais do estado de autorização.

    ID CVE

    CVE-2015-7022: Andreas Kurtz da NESO Security Labs

  • WebKit

    Disponível para: iPhone 4s e posterior, iPod touch (5.ª geração) e posterior, iPad 2 e posterior

    Impacto: visitar um site criado com intuito malicioso poderá provocar a execução de um código arbitrário

    Descrição: existiam vários problemas de corrupção de memória no WebKit. Estes problemas foram resolvidos através do processamento melhorado da memória.

    ID CVE

    CVE-2015-5928: Apple

    CVE-2015-5929: Apple

    CVE-2015-5930: Apple

    CVE-2015-6981

    CVE-2015-6982

    CVE-2015-7002: Apple

    CVE-2015-7005: Apple

    CVE-2015-7012: Apple

    CVE-2015-7014

    CVE-2015-7104: Apple

As informações sobre os produtos não fabricados pela Apple ou os sites independentes não controlados ou testados pela Apple são disponibilizadas sem recomendações nem aprovação. A Apple não assume qualquer responsabilidade no que diz respeito à seleção, ao desempenho ou à utilização dos sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a fiabilidade dos sites de terceiros. Existem riscos inerentes à utilização da Internet. Contacte o fornecedor para obter informações adicionais. Outros nomes de empresas e de produtos podem ser marcas comerciais dos respetivos proprietários.

Data de publicação: