Se o iTunes solicitar que autorize o computador ao tentar reproduzir compras da iTunes Store

Se lhe for solicitado que autorize o computador quando tentar reproduzir compras da iTunes Store, certifique-se de que tem sessão iniciada no iTunes com o ID Apple que utilizou para efetuar a compra.

O iTunes pode pedir-lhe para autorizar o computador antes de reproduzir os elementos que comprou na iTunes Store. Saiba o que fazer se atingir o limite de autorização.

Poderá não conseguir autorizar o computador devido a problemas relacionados com permissões de conta ou pastas. Siga os passos abaixo para resolver o problema.

As funcionalidades do iTunes podem variar consoante o país ou a região.

Experimente autorizar as suas compras com um ID Apple diferente

Poderá ter utilizado um ID Apple diferente para comprar os elementos que pretende reproduzir. Para verificar, clique com o botão direito do rato no elemento e procure Remover descarga no menu. Se vir a opção Remover descarga, é porque iniciou sessão com o ID Apple que utilizou para comprar o elemento. Selecione Remover descarga e volte a descarregar o elemento.

Se não vir a opção Remover descarga, siga os passos abaixo indicados:

  1. Abra o iTunes.
  2. Na Biblioteca, selecione uma música que comprou na iTunes Store.
  3. Selecione Edição > Informações na barra de menus na parte superior do ecrã do computador ou na parte superior da janela do iTunes.
  4. Clique no separador Ficheiro. Veja à direita de "Comprado por" para o ID Apple que utilizou para comprar o elemento.
  5. Autorize o computador através do ID Apple no passo 4, que pode ter sido alterado desde que comprou o elemento, caso tenha atualizado a palavra-passe ou o endereço de e-mail associado ao seu ID Apple. Se se esqueceu da palavra-passe do ID Apple, consulte o site iforgot.apple.com.

Se não tiver certeza se o seu ID Apple foi alterado desde que comprou o elemento, verifique o histórico de compras do ID Apple referente ao elemento para confirmar que o mesmo está incluído na lista de compras.

Desativar o Controlo de conta de utilizador

No iTunes para Windows, pode corrigir alguns problemas de autorização após repor o Controlo de conta de utilizador. Para repor o Controlo de conta de utilizador no Windows 7 ou posterior, siga estes passos:

  1. Prima a tecla Windows no teclado. Se o seu teclado não tiver uma tecla Windows, prima as teclas Controlo (Ctrl) e Escape (Esc) no mesmo.
  2. Clique no ícone de lupa ou no campo de pesquisa. No campo de pesquisa, escreva UserAccountControlSettings.
  3. Clique em UserAccountControlSettings.
  4. Se lhe for perguntado se pretende permitir que esta aplicação efetue alterações, clique em Sim.
  5. Mova o nivelador até chegar à última definição.
  6. Clique em OK.
  7. Se lhe for perguntado se pretende permitir que esta aplicação efetue alterações, clique em Sim.
  8. Reinicie o computador.

Em seguida, volte a ativar o Controlo de conta de utilizador.

  1. Prima a tecla Windows no teclado. Se o seu teclado não tiver uma tecla Windows, prima as teclas Controlo (Ctrl) e Escape (Esc) no mesmo.
  2. Clique no ícone de lupa ou no campo de pesquisa. No campo de pesquisa, escreva UserAccountControlSettings.
  3. Clique em UserAccountControlSettings.
  4. Mova o nivelador de volta até à definição pretendida.
  5. Clique em OK.
  6. Reinicie o computador.
  7. Tente autorizar o computador novamente.

Remover a pasta SC Info

O iTunes necessita de utilizar a pasta SC Info no computador para funcionar corretamente. Pode autorizar o computador a reproduzir compras ao remover esta pasta. Em seguida, deixe que o iTunes volte a criá-la.

Remover a pasta SC Info no macOS High Sierra ou anterior

  1. Saia do iTunes e de todas as aplicações abertas até ficar apenas o Finder aberto.
  2. Na barra de menus na parte superior do ecrã do computador, selecione Ir > Ir para a pasta.
  3. Na janela, escreva /Users/Shared/SC Infoe, em seguida, clique em Ir. Se vir uma mensagem a indicar "O arquivo não foi encontrado", siga estes passos para criar/Utilizadores/Partilha/ ou aplique permissões corretas ao ficheiro.
  4. Se ainda não o tiver feito, selecione a vista em colunas no Finder. Na barra de menus na parte superior do ecrã, selecione Visualização > em colunas.
  5. Procure a pasta SC Info. Clique na pasta e mantenha-a premida enquanto a arrasta até ao lixo.
  6. Reinicie o computador.
  7. Abra o iTunes.
  8. Tente autorizar o computador novamente. Se tiver vários ID Apple, autorize o computador para cada ID Apple.

Remover a pasta SC Info no Windows

  1. Saia do iTunes.
  2. Prima a tecla Windows no teclado. Se o seu teclado não tiver uma tecla Windows, prima as teclas Controlo (Ctrl) e Escape (Esc) no mesmo.
  3. Clique no ícone de lupa ou no campo de pesquisa. No campo de pesquisa, escreva %ProgramData% e prima Enter.
  4. Para mostrar os ficheiros ocultos:
    Windows 10: clique em Ver e, em seguida, selecione Itens ocultos.
    Windows 8: clique em Ver e, em seguida, em Opções. No separador Ver, selecione "Mostrar pastas, unidades e ficheiros ocultos".
    Windows 7: clique em Organizar e, em seguida, em "Opções de pesquisa e pasta". No separador Ver, selecione "Mostrar pastas, unidades e ficheiros ocultos".
  5. Abra a pasta Apple Computer e, em seguida, abra a pasta iTunes.
  6. Clique com o botão direito do rato na pasta SC Info e selecione Eliminar no menu pop-up.
  7. Reinicie o computador.
  8. Abra o iTunes.
  9. Tente autorizar o computadornovamente.Se tiver vários ID Apple, autorize o computador para cada ID Apple.

As informações sobre os produtos não fabricados pela Apple ou os sites independentes não controlados ou testados pela Apple são disponibilizadas sem recomendações nem aprovação. A Apple não assume qualquer responsabilidade no que diz respeito à seleção, ao desempenho ou à utilização dos sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a fiabilidade dos sites de terceiros. Existem riscos inerentes à utilização da Internet. Contacte o fornecedor para obter informações adicionais. Outros nomes de empresas e de produtos podem ser marcas comerciais dos respetivos proprietários.

Data de publicação: