Sobre o conteúdo de segurança do iTunes 12.10.4 para Windows

Este documento descreve o conteúdo de segurança do iTunes 12.10.4 para Windows.

Sobre as atualizações de segurança da Apple

Para garantir a proteção dos clientes, a Apple não divulga, não discute, nem confirma problemas de segurança até que uma investigação seja conduzida e as correções ou versões estejam disponíveis. As versões recentes estão indicadas na página Atualizações de segurança da Apple.

Os documentos de segurança da Apple mencionam vulnerabilidades por meio do ID de CVE quando possível.

Para obter mais informações sobre segurança, consulte a página sobre segurança de produtos Apple.

iTunes 12.10.4 para Windows

Lançado em 28 de janeiro de 2020

ImageIO

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: processar uma imagem criada com códigos maliciosos pode causar a execução arbitrária de códigos

Descrição: um problema de leitura fora dos limites foi resolvido por meio de melhorias na validação de entradas.

CVE-2020-3826: Samuel Groß do Google Project Zero

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020

libxml2

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: o processamento de um arquivo XML criado com códigos maliciosos pode causar o encerramento inesperado de aplicativos ou a execução arbitrária de códigos

Descrição: um estouro de buffer foi resolvido por meio de melhorias na validação de tamanho.

CVE-2020-3846: Ranier Vilela

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020

Serviço Mobile Device

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: um usuário poderia obter acesso a partes protegidas do sistema de arquivos

Descrição: esse problema foi resolvido por meio de melhorias na lógica de permissões.

CVE-2020-3861: Andrea Pierini (@decoder_it) e Christian Danieli (@padovah4ck)

WebKit

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: processar conteúdo da web criado com códigos maliciosos pode causar a execução universal de scripts entre sites

Descrição: um problema de lógica foi resolvido por meio de melhorias no gerenciamento de estado.

CVE-2020-3867: pesquisador anônimo

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020

WebKit

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: processar conteúdo da web criado com códigos maliciosos pode causar a execução arbitrária de códigos

Descrição: vários problemas de memória corrompida foram resolvidos por meio de melhorias no processamento da memória.

CVE-2020-3825: Przemysław Sporysz da Euvic

CVE-2020-3868: Marcin Towalski da Cisco Talos

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020

WebKit

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: um site malicioso pode causar uma negação de serviço

Descrição: um problema de negação de serviço foi resolvido por meio de melhorias no processamento da memória.

CVE-2020-3862: Srikanth Gatta do Google Chrome

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020

Carregamento de página do WebKit

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: o contexto de um objeto DOM de primeiro nível pode ter sido considerado seguro incorretamente

Descrição: um problema de lógica foi resolvido por meio de melhorias na validação.

CVE-2020-3865: Ryan Pickren (ryanpickren.com)

Entrada adicionada em 29 de janeiro de 2020, atualizada em 11 de fevereiro de 2020

Carregamento de página do WebKit

Disponível para: Windows 7 e posterior

Impacto: o contexto de um objeto DOM pode não ter tido uma origem de segurança exclusiva

Descrição: um problema de lógica foi resolvido por meio de melhorias na validação.

CVE-2020-3864: Ryan Pickren (ryanpickren.com)

Entrada adicionada em 11 de fevereiro de 2020

As informações sobre produtos não fabricados pela Apple, ou sites independentes não controlados nem testados pela Apple, são fornecidas sem recomendação ou endosso. A Apple não assume responsabilidade alguma com relação à escolha, ao desempenho ou ao uso de sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a confiabilidade de sites de terceiros. Entre em contato com o fornecedor para obter mais informações.

Data da publicação: