Compatibilidade de aplicações de 32 bits com o macOS High Sierra 10.13.4

Acerca da transição para a tecnologia de 64 bits e a forma como afeta as aplicações de 32 bits.

     A aplicação não está otimizada para o seu Mac. Esta aplicação precisa de ser atualizada pelo respetivo programador para melhorar a compatibilidade.
   

A tecnologia de ponta é o que faz de um Mac um Mac. Todos os Macs modernos incluem processadores de 64 bits avançados e o macOS executa aplicações de 64 bits avançadas, que têm uma maior memória e permitem um desempenho mais rápido do sistema. As tecnologias que definem a experiência atual do Mac, como a aceleração de gráficos da tecnologia Metal, funcionam apenas com aplicações de 64 bits. Para garantir que as aplicações que compra são tão avançadas como o Mac em que as executa, todo o software para Mac será obrigatoriamente de 64 bits no futuro.

A Apple começou a transição para a tecnologia de hardware e software de 64 bits para Mac há mais de dez anos e está a trabalhar com os programadores para que estes efetuem a transição das suas aplicações para as versões de 64 bits. Na nossa Worldwide Developers Conference (Conferência Internacional de Programadores) em 2017, a Apple informou os programadores de que o macOS High Sierra seria a última versão do macOS a executar aplicações de 32 bits sem comprometer as funcionalidades. 

Enquanto os programadores otimizam as aplicações para a compatibilidade com a tecnologia de 64 -bits, a Apple está a notificar os clientes quando utilizam uma aplicação com a tecnologia de 32 bits. Isto é feito através de um aviso único que é apresentado quando inicia uma aplicação de 32 bits. 

Abaixo, encontrará mais informações acerca do aviso e sobre o que a transição para a tecnologia de 64 bits significa para si.

Por que motivo estou a ver este aviso?

A partir do macOS High Sierra 10.13.4, as aplicações que não tiverem sido atualizadas para utilizar os processos de 64 bits apresentarão um aviso único quando forem abertas. Isto dá aos utilizadores uma notificação prévia a informar que estão a utilizar software de 32 bits, o que não será compatível com o macOS no futuro.

Posso continuar a utilizar as aplicações de 32 bits?

Sim, ainda pode continuar a utilizar as aplicações de 32 bits com o Mac. Utilizar software de 32 bits não tem impacto nos seus dados ou computador.

Quando será concluída a transição para a tecnologia de 64 bits?

A transição para a tecnologia de 64 bits para macOS e para as aplicações do macOS ainda está a ser processada, pelo que ainda não foram estabelecidas datas para a sua conclusão. Porém, agora é uma boa altura para contactar o programador de software acerca da disponibilidade da versão de 64 bits das suas aplicações favoritas. 

Como posso contactar o programados de software?

A forma mais fácil de contactar um programador é procurá-lo na Web. Para encontrar o nome do programador de uma aplicação, abra a aplicação e, em seguida, clique no nome da aplicação na barra de menus e selecione "Acerca de…"

Como posso verificar se uma aplicação tem tecnologia de 32 bits ou 64 bits?

No menu Apple, selecione Acerca deste Mac e, em seguida, clique no botão Relatório do sistema. No relatório do sistema, desloque-se para baixo, até Software e, em seguida, selecione Aplicações. Ao selecionar uma aplicação individual, verá um campo com o título "64 bits (Intel)". "Sim" indica que se trata da versão de 64 bits. "Não" indica que se trata da versão de 32 bits.

As informações sobre os produtos não fabricados pela Apple ou os sites independentes não controlados ou testados pela Apple são disponibilizadas sem recomendações nem aprovação. A Apple não assume qualquer responsabilidade no que diz respeito à seleção, ao desempenho ou à utilização dos sites ou produtos de terceiros. A Apple não garante a precisão nem a fiabilidade dos sites de terceiros. Existem riscos inerentes à utilização da Internet. Contacte o fornecedor para obter informações adicionais. Outros nomes de empresas e de produtos podem ser marcas comerciais dos respetivos proprietários.

Data de publicação: