Bateria e desempenho do iPhone

Compreenda o desempenho do iPhone e a sua relação com a bateria.

A nossa intenção no iPhone é proporcionar uma experiência simples e de fácil utilização. Para consegui-lo, são necessárias muitas tecnologias avançadas e engenharia. Uma área tecnológica importante é a bateria e o desempenho. As baterias são uma tecnologia complexa. Existe um conjunto de variáveis que contribui para o desempenho da bateria e o desempenho associado do iPhone. Todas as baterias recarregáveis são consumíveis e têm uma vida útil limitada. Como tal, a capacidade e o desempenho diminuem, pelo que necessitam de receber assistência ou têm de ser recicladas. Quando isto acontece, podem existir alterações no desempenho do iPhone. Este artigo foi criado para que possa obter mais informações sobre esta tecnologia.

Acerca das baterias de iões de lítio

As baterias do iPhone utilizam a tecnologia de iões de lítio. Em comparação com a tecnologia das gerações anteriores, as baterias de iões de lítio carregam mais rapidamente, duram mais tempo, têm uma densidade energética superior para uma maior duração da bateria e são mais leves. Atualmente, as baterias de iões de lítio recarregáveis oferecem a melhor tecnologia para o seu dispositivo. Saiba mais sobre as baterias de iões de lítio.

Como maximizar o desempenho da bateria

"Duração da bateria" é o período de funcionamento de um dispositivo até precisar de ser recarregado. "Vida útil da bateria" é o período de durabilidade da bateria até precisar de ser substituída. Um aspeto que afeta a duração e a vida útil da bateria é a combinação de ações que executa no dispositivo. Independentemente da forma como o utiliza, há formas de ajudar. A vida útil da bateria está relacionada com a sua "idade química", que é muito mais do que apenas a passagem do tempo. Inclui vários fatores, como o número de ciclos de carregamento e os cuidados tomados durante a utilização. Siga estas sugestões para maximizar o desempenho e prolongar a vida útil da bateria. Por exemplo, mantenha o iPhone com metade da carga quando for guardado por um longo período. Evite também carregar ou deixar o iPhone em ambientes quentes, incluindo sob luz solar direta, durante longos períodos de tempo.

Quando as baterias envelhecem quimicamente

Todas as baterias recarregáveis são componentes consumíveis que se tornam menos eficientes à medida que envelhecem quimicamente.

Ao envelhecer quimicamente, a capacidade das baterias de iões de lítio para reter carga diminui. Tal pode resultar em períodos de tempo mais curtos até que um dispositivo necessite de ser recarregado. Além disso, a capacidade da bateria para fornecer energia pode reduzir rapidamente. Para que o telefone funcione devidamente, os componentes eletrónicos têm de conseguir obter alimentação da bateria de forma imediata. Um atributo que afeta o fornecimento imediato da alimentação é a impedância da bateria. Uma bateria com impedância elevada não tem capacidade para fornecer alimentação com a rapidez que o sistema necessita. A impedância de uma bateria pode aumentar com uma idade química mais elevada. A impedância de uma bateria aumentará temporariamente com pouca carga e em ambientes com temperaturas frias. Associado a uma idade química mais elevada, o aumento da impedância será mais significativo. Estas são características químicas das baterias que são comuns a todas as baterias de iões de lítio no mercado.

Quando a alimentação é obtida a partir de uma bateria com um nível mais elevado de impedância, a tensão da bateria irá descer ainda mais. Os componentes eletrónicos necessitam de uma tensão mínima para funcionar. Entre eles, inclui-se o armazenamento interno, os circuitos de alimentação e a própria bateria do dispositivo. O sistema de gestão de energia determina a capacidade da bateria para fornecer esta energia e gere os volumes de carga para manter o funcionamento. Quando o funcionamento deixa de ser suportado com as capacidades totais do sistema de gestão de energia, o sistema encerra para preservar estes componentes eletrónicos. Embora este encerramento seja intencional do ponto de vista do dispositivo, pode ser inesperado para o utilizador.

Como evitar encerramentos inesperados

Em situações em que a bateria se encontra com pouca carga, a idade química é mais elevada ou o ambiente apresenta temperaturas mais baixas, os utilizadores estão mais suscetíveis a verificar encerramentos inesperados. Em casos extremos, os encerramentos podem ocorrer com mais frequência, tornando o dispositivo instável ou inutilizável. O iOS 10.2.1 (lançado em janeiro de 2017) inclui atualizações para modelos de iPhone anteriores para evitar os encerramentos inesperados. Uma das funcionalidades para o iPhone 6, iPhone 6 Plus, iPhone 6s, iPhone 6s Plus e iPhone SE inclui a gestão dinâmica de picos instantâneos de desempenho, apenas quando é necessária, para impedir que o dispositivo encerre inesperadamente. Esta funcionalidade foi também incluída no iPhone 7 e iPhone 7 Plus com o iOS 11.2. No futuro, iremos continuar a melhorar a funcionalidade de gestão de energia. A única intenção desta funcionalidade é impedir os encerramentos inesperados e garantir que o iPhone pode continuar a ser utilizado. Esta funcionalidade de gestão de energia é específica do iPhone e não se aplica a outros produtos Apple.

Esta gestão de energia funciona ao fazer uma análise combinada da temperatura do dispositivo, da carga da bateria e da impedância da bateria. No caso de estas variáveis o exigirem, o iOS fará a gestão dinâmica do desempenho máximo de alguns dos componentes do sistema, como a CPU e a GPU, de forma a evitar os encerramentos inesperados. Como resultado, a intensidade de utilização do dispositivo será automaticamente equilibrada, permitindo uma melhor distribuição das tarefas do sistema, em vez de picos de desempenho simultâneos maiores e mais rápidos. Em alguns casos, o utilizador pode não detetar qualquer alteração no desempenho diário do dispositivo. O nível da alteração detetada depende da quantidade de gestão de energia necessária para um determinado dispositivo.

Nos casos que exigem formas mais extremas desta gestão de energia, o utilizador pode detetar efeitos como:

  • Início das apps mais longo
  • Taxas de fotogramas mais baixas ao deslocar
  • Escurecimento da retroiluminação (que pode ser alterado na Central de controlo)
  • Volume do altifalante mais baixo até -3 dB
  • Redução gradual da taxa de fotogramas em algumas apps
  • Nos casos mais extremos, o flash deixará de estar visível como opção na câmara
  • As apps a serem atualizadas em segundo plano podem ter de ser recarregadas ao serem iniciadas

Muitas áreas principais não são afetadas por esta funcionalidade de gestão de energia. Alguns exemplos:

  • Qualidade das chamadas e desempenho de transferência na rede
  • Qualidade das fotografias tiradas e dos vídeos gravados
  • Desempenho do GPS
  • Precisão da localização
  • Sensores como o giroscópio, acelerómetro e barómetro
  • Apple Pay

Obter mais ajuda

As alterações efetuadas pela gestão de energia são temporárias em baterias com pouca carga e em ambientes com temperaturas mais baixas. Se a bateria do dispositivo está num estado avançado da idade química, as alterações efetuadas pela gestão de energia poderão ser mais duradouras. Tal deve-se ao facto de todas as baterias recarregáveis serem consumíveis e terem uma vida útil limitada. Como tal, necessitam de receber assistência ou têm de ser recicladas. Se for afetado por esta situação e quiser melhorar o desempenho do seu dispositivo, proceder à substituição da bateria pode ajudar.

Saiba mais sobre a assistência e reciclagem da bateria.

Para obter ajuda com a substituição de uma bateria, contacte o Suporte Apple para obter opções de assistência.

Data de publicação: