Como usar o Monitor de Atividade no Mac

O Monitor de Atividade mostra os processos que estão em execução no Mac para que você possa gerenciá-los e ver como eles afetam a atividade e o desempenho do Mac.

Este artigo descreve alguns dos recursos mais usados do Monitor de Atividade, um tipo de gerenciador de tarefas que permite ver como os apps e outros processos afetam o uso da CPU, da memória, da energia, do disco e da rede.

Abra o Monitor de Atividade na pasta Aplicativos > Utilitários ou use o Spotlight para encontrá-lo.

Visão geral

Os processos mostrados no Monitor de Atividade podem ser apps do usuário, apps do sistema usados pelo macOS ou processos não visíveis que estão em segundo plano. Use as cinco abas de categoria na parte superior da janela Monitor de Atividade para ver como os processos afetam o Mac em cada categoria.

Adicione ou remova colunas em cada um desses painéis ao selecionar Visualizar > Colunas na barra de menus. O menu Visualizar também permite escolher quais processos são exibidos em cada painel:

  • Todos os Processos
  • Todos os Processos, Hierarquicamente: processos que pertencem a outros processos para que você possa ver a relação entre eles (principal/secundário).
  • Meus Processos: processos que pertencem à conta de usuário do macOS.
  • Processos do Sistema: processos que pertencem ao macOS.
  • Outros Processos do Usuário: processos que não pertencem ao usuário raiz ou ao atual.
  • Processos Ativos: processos em execução que não estão em repouso.
  • Processos Inativos: processos em execução que estão em repouso.
  • Processos em Janelas: processos que podem criar uma janela. Geralmente, são apps.
  • Processos Selecionados: processos selecionados na janela Monitor de Atividade.
  • Aplicativos nas últimas 8 horas: os apps que executaram processos nas últimas oito horas.

CPU

O painel CPU mostra como os processos afetam a atividade da CPU (processador):

Painel CPU

Clique na parte superior da coluna "% CPU" para classificar pela porcentagem da capacidade da CPU usada por cada processo. Essas informações e as informações do painel Energia podem ajudar a identificar processos que afetam o desempenho do Mac, a duração da bateria, a temperatura e a atividade da ventoinha.

Mais informações estão disponíveis na parte inferior do painel CPU:

  • Sistema: a porcentagem da capacidade da CPU usada atualmente pelos processos do sistema, que são processos que pertencem ao macOS.
  • Usuário: a porcentagem da capacidade da CPU usada atualmente por apps abertos ou pelos processos abertos por esses apps.
  • Ocioso: a porcentagem da capacidade da CPU que não é utilizada.
  • Carga da CPU: a porcentagem da capacidade da CPU usada atualmente por todos os processos de Sistema e Usuário. O gráfico move-se da direita para a esquerda e é atualizado nos intervalos definidos em Visualizar > Frequência de Atualização. A cor azul mostra a porcentagem da capacidade total da CPU usada atualmente pelos processos do usuário. A cor vermelha mostra a porcentagem da capacidade total da CPU usada atualmente pelos processos do sistema.
  • Threads: o número total de threads usados por todos os processos combinados.
  • Processos: o número total de processos executados atualmente.

Você também pode ver o uso da CPU ou da GPU em uma janela separada ou no Dock:

  • Para abrir uma janela que mostra a atividade atual do processador, selecione Janela > Utilização da CPU. Para mostrar um gráfico dessas informações no Dock, selecione Visualizar > Ícone do Dock > Mostrar Utilização da CPU.
  • Para abrir uma janela que mostra a atividade recente do processador, selecione Janela > Histórico da CPU. Para mostrar um gráfico dessas informações no Dock, selecione Visualizar > Ícone do Dock > Mostrar Histórico da CPU.
  • Para abrir uma janela que mostra a atividade recente do processador gráfico (GPU), selecione Janela > Histórico da GPU. O uso de energia relacionado à essa atividade está incluído nas medições de impacto energético na aba Energia do Monitor de Atividade.

Memória

O painel Memória mostra informações sobre como a memória é usada:

Painel Memória

Mais informações estão disponíveis na parte inferior do painel Memória:

  • Pressão da Memória: este gráfico ajuda a ilustrar a disponibilidade dos recursos da memória. O gráfico move-se da direita para a esquerda e é atualizado nos intervalos definidos em Visualizar > Frequência de Atualização. O estado atual dos recursos da memória são indicados pela cor no lado direito do gráfico:  
    • Verde: os recursos da memória estão disponíveis. 
    • Amarelo: os recursos da memória ainda estão disponíveis, mas são responsáveis pelos processos de gerenciamento de memória, como compressão.
    • Vermelho: os recursos da memória estão esgotados, e o macOS está usando a unidade de inicialização para a memória. Para disponibilizar mais RAM, você pode encerrar um ou mais apps ou instalar mais RAM. Esse é o indicador mais importante de que o Mac pode precisar de mais RAM.
  • Memória Física: a quantidade de RAM instalada no Mac. 
  • Memória Usada: a quantidade total de memória usada atualmente por todos os apps e processos do macOS.
    • Memória do App: a quantidade total de memória usada atualmente por apps e seus processos.
    • Memória Residente: a memória que não pode ser compactada nem transferida para a unidade de inicialização e, por isso, precisa ficar na RAM. A memória residente usada por um processo não pode ser emprestada para outros processos. A quantidade de memória residente usada por um app é determinada pelo programador. 
    • Comprimido: a quantidade de memória na RAM que está compactada para disponibilizar mais RAM para outros processos. Veja na coluna Mem. Comprimida para ver a quantidade de memória compactada para cada processo.
  • Troca Usada: o espaço usado na unidade de inicialização pelo gerenciamento de memória do macOS. É normal encontrar alguma atividade aqui. Enquanto a pressão da memória não estiver no estado vermelho, o macOS terá recursos de memória disponíveis.
  • Arquivos em Cache: memória usada recentemente por apps e que agora está disponível para utilização por outros apps. Por exemplo, se você usar o Mail e, em seguida, encerrar o app, a RAM utilizada por ele se tornará parte da memória usada por arquivos armazenados em cache, que depois ficará disponível para outros apps. Se você abrir o Mail novamente antes que a memória de arquivos armazenados em cache seja usada (substituída) por outro app, o Mail abrirá mais rapidamente, pois essa memória será convertida rapidamente em memória do app sem que seja preciso carregar seu conteúdo por meio da unidade de inicialização.

Para obter mais informações sobre o gerenciamento de memória, consulte o site dos desenvolvedores da Apple.

Energia

O painel Energia mostra o uso geral e a energia que cada app utiliza:

  • Impacto Energético: uma medida relativa do consumo de energia atual do app. Números menores são um bom sinal. Um triângulo à esquerda do nome de um app significa que o app é composto de vários processos. Clique no triângulo para visualizar os detalhes de cada processo.
  • Impacto Energético Médio: é o impacto médio de energia das últimas oito horas ou desde a inicialização do Mac, o que for menor. O impacto médio de energia também é exibido para apps que eram executados naquele momento, mas que já foram encerrados. Os nomes dos apps não estão disponíveis.
  • App Nap: apps compatíveis com App Nap consomem pouquíssima energia quando estão abertos, mas não são usados. Por exemplo, um app pode ficar em repouso quando estiver oculto atrás de outras janelas ou quando estiver aberto em um espaço que não é visualizado no momento.
  • Impedindo Repouso: indica se o app impede que o Mac entre em repouso.

Painel Energia

Mais informações estão disponíveis na parte inferior do painel Energia:

  • Impacto Energético: uma medida relativa da energia total usada por todos os apps. O gráfico move-se da direita para a esquerda e é atualizado nos intervalos definidos em Visualizar > Frequência de Atualização.
  • Placa Gráfica: o tipo de placa usada atualmente. Placas com maior desempenho usam mais energia. Os Macs compatíveis com a troca de gráficos automática economizam energia usando placas gráficas integradas. Eles alternam para um chip gráfico de maior desempenho apenas quando exigido pelo app. "Integrada" significa que, no momento, o Mac usa placas gráficas integradas. "Alto Desemp." significa que, no momento, o Mac usa placas gráficas de alto desempenho. Para identificar apps que usam placas gráficas de alto desempenho, procure apps que mostrem "Sim" na coluna Requer GPU de Alta Perf.
  • Carga restante: a porcentagem de carga restante na bateria de um Mac portátil.
  • Tempo até carga completa: o tempo que o Mac portátil deve ficar conectado a uma tomada para ser totalmente carregado.
  • Tempo na CA: o tempo decorrido desde que o Mac portátil foi conectado a uma tomada.
  • Tempo Restante: a estimativa de tempo de bateria restante no Mac portátil.
  • Tempo na bateria: o tempo decorrido desde que o Mac portátil foi desconectado da alimentação CA.
  • Bateria (Últimas 12 horas): o nível de carga da bateria do Mac portátil nas últimas 12 horas. A cor verde mostra os horários em que o Mac recebeu energia de um adaptador de alimentação.

À medida que o uso de energia aumenta, o tempo de funcionamento do Mac com a bateria é reduzido. Se a duração da bateria do Mac portátil for menor que o normal, use a coluna Impacto Energético Médio para encontrar apps que usaram mais energia recentemente. Encerre esses apps se não precisar deles ou entre em contato com o desenvolvedor do app se perceber que o uso de energia do app continua alto quando ele parece estar inativo.

Disco

O painel Disco mostra o volume de dados que cada processo leu e gravou no disco. Ele também mostra as entradas de leituras e as saídas de gravações (ES), que é o número de vezes que o Mac acessa o disco para ler e gravar dados.

Painel Disco

As informações na parte inferior do painel Disco mostram a atividade total de disco em todos os processos. O gráfico move-se da direita para a esquerda e é atualizado nos intervalos definidos em Visualizar > Frequência de Atualização. O gráfico também inclui um menu pop-up para alternar entre a exibição de ES ou dados como uma unidade de medida. A cor azul mostra o número de leituras por segundo ou o volume de dados lidos por segundo. A cor vermelha mostra o número de gravações por segundo ou o volume de dados gravados por segundo.

Para mostrar um gráfico da atividade de disco no Dock, selecione Visualizar > Ícone do Dock > Mostrar Atividade do Disco.

Rede

O painel Rede mostra o volume de dados que é enviado ou recebido pelo Mac na rede. Use essas informações para identificar quais processos enviam ou recebem a maior parte dos dados.

 Aba Rede

As informações na parte inferior do painel Rede mostram a atividade total de rede em todos os apps. O gráfico move-se da direita para a esquerda e é atualizado nos intervalos definidos em Visualizar > Frequência de Atualização. O gráfico também inclui um menu pop-up para alternar entre a exibição de pacotes ou dados como uma unidade de medida. A cor azul mostra o número de pacotes recebidos por segundo ou o volume de dados recebidos por segundo. A cor vermelha mostra o número de pacotes enviados por segundo ou o volume de dados enviados por segundo. 

Para mostrar um gráfico do uso da rede no Dock, selecione Visualizar > Ícone do Dock > Mostrar Utilização da Rede.

Cache

No macOS High Sierra 10.13.4 ou posterior, o Monitor de Atividade exibe o painel Cache quando a opção "Cache de Conteúdo" está ativada no painel Compartilhamento das "Preferências do Sistema". O painel Cache mostra a quantidade de conteúdos armazenados em cache dos quais os dispositivos conectados à rede local fizeram upload e download ou cujo upload ou download eles interromperam ao longo do tempo.

Use as informações em "Pressão Máxima do Cache" para saber se é preciso alterar os ajustes de "Cache de Conteúdo" para fornecer mais espaço em disco ao cache. Quanto menor a pressão do cache, melhor. Saiba mais sobre a atividade de cache.

O gráfico na parte inferior mostra o total de atividade de cache ao longo do tempo. Para alterar o intervalo, selecione as opções no menu pop-up acima do gráfico: Última Hora, Últimas 24 Horas, Últimos 7 Dias ou Últimos 30 Dias. 

Saiba mais

  • Saiba mais sobre o kernel task e por que o Monitor de Atividade pode indicar que uma grande porcentagem da CPU está sendo usada por ele.
  • Para obter mais informações sobre o Monitor de Atividade, abra-o e selecione Ajuda > Monitor de Atividade. Você também pode ver uma breve descrição de diversos itens na janela do Monitor de Atividade ao passar o mouse sobre eles.
Data da publicação: